#diariodeumsilicone : Cirurgia

De  |  Nenhum Comentário

Oi gatas, aqui é a mais nova siliconada and peituda do momento, e vim contar tudo sobre a cirurgia de implante das minhas próteses.

A cirurgia foi bem tranquila e o Dr Luiz foi mega atencioso e prestativo em todos os momentos. Me acalmou, pois cheguei tranquila, mas lá dentro do bloco cirúrgico me deu um pânico. Medo bobo… Estava esperando que era coisa de outro mundo, quando cheguei lá foi tão simples!!!

Cheguei no hospital, encaminhei para o internamento, depois fui para o quarto onde recebi as orientações da enfermeira, pesamos, medimos pressão, temperatura e um monte de coisas. Fui para o bloco cirurgico, onde encontrei o Dr Luiz, fizemos as marcações e fotos do antes.

Depois foi feita a sedação e logo em seguida a anestesia local  – mas em alguns casos utiliza-se anestesia geral ou peridural.

Durou cerca de uma hora a cirurgia em si e quando passou a sedação, fui para o meu quarto. Fiquei até mais ou menos umas 18 horas da tarde em observação e fui liberada para ir pra casa. Ou seja, muito tranquilo!!!

A primeira vez que tirei o sutiã cirúrgico foi um momento muito estranho, tive a sensação que meus peitos iam cair. Que é comum para quem como eu nunca teve peititos. Tive também uma certa pressão nos seios, mas nenhuma dor.

Ir para casa foi bom e estranho, moro a seis quarteirões do hospital e a cada bacada, meus peitos tremiam tudo.

Lembrando que, cada caso é um caso, estou sentindo tudo no seio direito, mas no esquerdo nada! Com isso tenho que ficar bem atenta a esbarrões… Pois não sinto né? Esse caso pode modificar com o tempo. É um sintoma bem comum a perda da sensibilidade dos seios.

Agora vou focar no pós operatório, que vai ser um mês de molho! E vai ter post específico sobre o pós operatório.

Após a cirurgia há um inchaço que leva cerca de dois meses para desaparecer nos seios. E também pode acontecer que a barriga fique voluptuosa devido a tanto soro e medicamentos. Comigo não foi diferente, além de inchar a barriga, inchei o corpo inteiro. Mais nada que 20 dias tomando 3 litros de água não resolva.

O formato definitivo do seio só aparece em torno de seis meses após a cirurgia, ok girls? Até a prótese se encaixar e tudo mais!

A prótese foi de incisão inframamária, pois queria uma cicatriz menos aparente. Se eu quisesse seios menores teria que optar por masto, como não queria cicatrizes demais, decidi por uma prótese média… Sempre gostei de peitões.

 

E a minha opção foi na frente do músculo por duas razões, não queria sofrer muito no pós e com medo do caso bolha dupla (dá um google aí), que são efeitos que podem ser causados pela colocação trás do músculo,  e também o colo bem aparente era o que eu mais queria na vida!

 

Incisão no sulco das mamas e colocadas no plano SUBFASCIAL , pois confere um ótimo desenho das próteses com muito menos dor no pós-operatório.

 

Confiram na integra o vídeo da serie #diariodeumsilicone :

 

O próximo post vou explicar tudinho sobre a escolha da prótese.

 

 

Dr. Luiz Henrique Bernardes

Especialista em Cirurgia Plástica Estética e Reconstrutora e membro da SBCP.

CRM: 24871

– Patrocínio –

Hospital Med Center – Rua Otávio de Brito, 20

34.3839-5600

– Patos de Minas –

 Hopistal Actual – Av. Paranaíba, 695

34.3826-1700

 

 

Beijos, Camila Roza

 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *